quarta-feira, 5 de abril de 2017

Cheque Especial. Cálculo dos Juros.

As taxas de juros do cheque especial no Brasil são normalmente muito altas e costumam assustar com frequência os mais incautos. Portanto, entenda melhor como ele funciona e aprenda a conferir os juros que o banco cobra. 
O cheque especial é uma linha de crédito rotativo atribuído à própria conta corrente. Desta forma, os débitos, cheques emitidos e os saques reduzem a sua disponibilidade. Por outro lado, os depósitos e os créditos restabelecem o limite de crédito, daí o termo rotativo. 
O prazo do contrato geralmente é de 90 dias, renovável. Os bancos, via de regra, cobram uma tarifa na contratação e em todas as renovações, ou as inclui no seu pacote de tarifas ou cesta. 
Os juros são computados por dias úteis e calculados diariamente de acordo com o saldo devedor. São debitados/cobrados em uma data fixada em contrato, geralmente no primeiro dia útil do mês subsequente e no vencimento do contrato. 
Além dos juros e da tarifa de contrato, há inda o IOF (imposto sobre operações financeiras). 

Encontra-se disponível no site http://www.planilhastogo.com.br/ uma planilha, com a qual será possível fazer os cálculos dos juros cobrados pelo banco. Confira!


Os vídeos abaixo demonstram a utilização dessa planilha.


Vídeo 1
Vídeo 2

Nenhum comentário:

Postar um comentário

|  Twitter  | |  Depto Financeiro |