quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Quanto custa US$1,00 Dólar Turismo

Se você vai viajar nas próximas férias para os Estados Unidos, certamente vai precisar de levar dólares.
Existem algumas maneiras de se fazer isto. Veja alguns exemplos:
1 – Papel moeda – em espécie. É o próprio dinheiro. Você pode adquirí-lo em um banco, corretora de câmbio ou agência de turismo. Você leva os Reais e compra os Dólares pela cotação do dia. Alguns bancos costumam cobrar uma tarifa pela transação. Hoje no Banco Itaú esta tarifa custa R$77,00. Na corretora HH Picchioni, o dólar turismo cuja cotação do dia é de R$1,79 está sendo vendido a R$1,85, mas sem a cobrança de tarifa. Dependendo da quantidade de dólares a ser comprado, até US$1.280,00, neste exemplo, na corretora fica mais barato, além de não exigirem a passagem da sua viagem internacional para concluir a operação.
2 – Trevel Money Card – É um cartão pre-pago, que você carrega os créditos em dólares antes de viajar para então gastá-los no exterior. Pode ser recarregado a distância e em caso de perda ou roubo você pode usar o cartão adicional. Tem como vantagem a comodidade, não demanda troco, segurança em caso de perda ou roubo, você pode revender os créditos na volta ao Brasil e, como principal desvantagem, a cobrança de uma tarifa de cerca de US$2,50 para cada saque, o que inviabiliza saques de menor valor. Leia mais
3 – Travelers cheques – cheques de viagem. São cheques comprados de uma instituição financeira com reconhecimento internacional. Você escolhe a moeda (e.g., dólar) e o valor de cada cheque e a quantidade de cheques que você quer comprar. Chegando no destino você troca cada cheque pela moeda local, na medida que necessitar de dinheiro. A vantagem é que estes cheques são numerados e geralmente não tem prazo de validade. Quando você voltar de sua viagem pode revendê-los onde você os comprou. Se forem perdidos, podem ser cancelados sem prejuízo, bastando informar a numeração dos cheques perdidos. A desvantagem é que alguns bancos e casas de câmbio no exterior cobram uma tarifa para trocar o treveler cheque pela moeda local. Todavia existe a possibilidade de usá-los em hotéis, restaurantes e lojas conveniadas para fazer pagamentos sem a cobrança de tarifa. Leia mais
3 – Cartão de crédito internacional – Você pode levar o seu cartão de crédito internacional. A maioria dos bancos exige que você avise sobre o período que vai ficar no exterior para liberar as compras internacionais. Portanto, não esqueça de ligar para o seu banco ou para a sua operadora do cartão antes de viajar. Usando o cartão internacional você estará sujeito as flutuações do câmbio. O dólar de conversão para o pagamento em reais no Brasil será definido somente quando emitida a fatura do cartão. Confira o seu limite e gaste com moderação.
Sobre as operações de câmbio incide IOF de 0,38%.

Veja aqui a variação mensal do dólar.

Um comentário:

  1. Olá Gil, gostei muito de seu artigo. Você sabe me explicar como se chega no valor da cotação do dólar turismo e dólar paralelo divulgado por alguns jornais?

    Obrigado,

    Ricardo Ramalho

    ResponderExcluir